Artigos e notícias:

Novidades com Paulo Tedesco

Paulo Tedesco

15/02/2004 02:00

Cidade de Deus - crítica ao filme

Por Paulo Tedesco


Cidade de Deus o filme. Quatro indicações ao Oscar e um ritmo de cinema que beira Pulp Fiction. Encantou nas telas americanas e lotou as brasileiras. Ícone máximo e atual da recuperação do cinema brasileiro. O que há de errado? O que há de certo?

Talvez os caminhos comerciais que Cidade de Deus percorrera tenham sido os mais acertados, os mais, comercialmente falando, indicados. Talvez a presença da violência e a própria temática das favelas, como objeto de atração turística, tenha por si só feito a diferença. Ou, quem sabe ainda, somados à inteligente estratégia promocional da obra junto a potenciais distribuidores mundiais, esteja o arrojo na busca da divulgação na mídia brasileira. Lembrando que a mídia nem sempre é movida a dinheiro, muitas vezes um fenômeno ou algo realmente bom, acaba sendo brindado com espaço que muitos gastam milhões para conquistar.

Mas, independente de qualquer crítica a esta ou aquela crítica mercadológica ou cinematográfica, o grande feito de Cidade de Deus, é além de levar o nosso cinema para um nível que de fato captou a atenção de todo o Brasil (o mercado que na atualidade realmente nos interessa), o de justamente trazer para a telona uma realidade que muitos criticaram dizendo não ser um “bom retrato” do Brasil, uma maneira feia de representar o país.

Mostrar o ritmo violento de uma favela brasileira que hoje não tem mais a exclusividade de serem somente cariocas, mesmo indo contra os mais intelectuais que acusam o endeusamento da mercantil da violência, faz com Cidade de Deus vá para cima do público e esfregue a realidade que passa na porta das suas casas vinte e quatro horas por dia.

Este sim é o Brasil! Não se envergonhem nem virem o rosto, o cinema-documentário brasileiro é vanguarda, nossa realidade nem tanto, mas dela extrairemos um novo tempo quando tivermos, e isto o filme tem de sobra, a coragem de apontar os fatos sem falsos heroísmos nem preconceitos.





Escritor, poeta e cronista, Paulo Tedesco contribuiu por vários anos para diversos jornais brasileiros na Flórida-EUA. Conheça o Blog do autor - clique aqui!

O conteúdo veiculado nas colunas é de responsabilidade de seus autores.

Assinar feedEnviar por E-mailImprimirVoltar para a seção Novidades

Leia outros Artigos deste autor, clique aqui! Clique aqui e escreva seu comentário!


Comentários do Planeta!

Comentários

Comentário de Juan Moreno em 19/02/2004 às 00:03hs. (horário de Miami)

Auto-biografia
Concordo com o autor em todos os aspectos, pois não se pode reclamar que o espelho no qual se olha todo o dia está errado e deveria mostrar uma outra face senão aquela lhe pertence. O filme Cidade de Deus é uma auto-biografia do Brasil, infelizmente, mas o que não podemos fazer é virar o rosto e fingir que a ficção do filme não é uma realidade em nossas vidas e que está cada vez mais próxima!

Comentário de Sônia Regina de Lima em 19/02/2004 às 04:26hs. (horário de Miami)

Dúvida.
Não sei se concordo, totalmente, com a crítica feita ao filme, acho sim que devemos mostrar a realidade do nosso Brasil, todavia temos um outro país que nunca é mostrado, que é o país das pessoas trabalhadoras que lutam por sua sobrevivência e conseguem chegar a algum lugar, o fato de um país homenagear nosso filme por mostrar o lado extremamente violento que temos não me deixa feliz, gostaria de privilegiar o lado cenográfico do filme, a montagem, isto sim mostra a nossa qualidade artística e inovadora.
Agradeço pelo espaço para as nossas manifestações.

Comentário de ApareCida de França Sales em 19/02/2004 às 13:15hs. (horário de Miami)

Estou no topo do mundo mamãe na, Cidade de Deus
Mais uma vez, ...digo é uma satisfação apreciar Paulo Tedesco, ...na crítica em Cidade de Deus.

Atrevo-me em tecer meu comentário, iniciando dizer:
- Estou no topo do mundo mamãe na, Cidade de Deus

...Cidade de Deus, ....nos deixa claro o perfil Brasil dos Pobres Vencedores, ...dos Pobres, ...porque estamos no rodapé da pirâmide, ...Vencedores porque estamos na ponta dela,

....E como fizemos esta trajetória? ....Aí tem uma história, ...A nossa história, ...na época em que é rodado o filme, ....vem de encontro a ditadura, ...autoritarismo, ...e os pobres simultaneamente formando suas comunidades, ...ao bel prazer da própria sorte, ....Vencedores porque hoje, ...pleno novo milênio, ...opina-se sobre o sistema governamental,

....Leva-se as telas de cinema, uma Cidade de Deus, ...nesta época, ...sofriam todos, ...pessoas comuns, homens, mulheres, crianças e jovens, ...trabalhadores, ...cinemas, ...música, ...imprensa, ...então enquanto o cinema era censurado veementemente, ....tínhamos os porta vozes da classe média, ....em suas canções Elis Regina, ....Chico Buarque, Caetano Veloso, ...e tantos outros artistas de grandeza, ...a intermediar por nós (os Pobres) em suas canções o que queríamos dizer e não podíamos,

....Hoje ao fim da ditadura, ...ao fim da censura, ....o que fazer? ...Fazemos o que queríamos naquela época, ...muito bem retratada no filme Cidade de Deus, ....as portas se abrem porque os Pobres hoje podem falar tem poder de ação e autonomia,

....No fim da classe média, ...guardamos a 7 chames nossos artistas astros e estrelas de grandeza, ...e o reverenciamos por levar nossas intenções a quem de direito, ...Vitoriosos porque vencemos todas as barreiras, ....Afinal o que temos que fazer não tem importância alguma, ....mas o que fazemos temos que faze-lo com todo vigor, bem feito,

....Sem dúvida que a sociedade pós moderna ganhará com o som, com a produção de importação e exportação, ....nossa voz chegará além do oceano, mais forte do que nunca, ...haja vista Cidade de Deus na grande cinematográfica externa e performática, ....música é a musa de discurso político e cinema é discurso poético duas formas de nós Brasil Pobres Vencedores se expressar....Estou no topo do mundo mamãe na, Cidade de Deus.

sds empreendedoras Cida!

Comentário de Annik Malvil em 19/02/2004 às 17:30hs. (horário de Miami)

cidade de deus
Cidade de Deus e um filme muito bem realizado, montado e atuado. Ele tem uma fotografia e um ritmo excelente. Mostra um dos aspectos da vida brasileira, como outros filmes de outros paises mostram tambem suas realidades pobres e ricas.O Brasil tambem e a vida das favelas num pais onde a classe media e pequena. O filme nao somente mostra a realidade das favelas como tambem de uma sociedade onde, apesar do Brasil ser um pais de gente hospitaleira, alegre e trabalhadora, a estrutura e a falta de seguranca ( muitas vezes por culpa de uma corrupcao desenfreada )fazem qualquer pessoa sentir:"se correr o bicho pega, se ficar o bicho come", mesmo se voce tenta fazer a coisa certa.

Comentário de marina em 22/05/2005 às 14:06hs. (horário de Miami)

o narcotrafico na classe media
o filme retrata aspectos interessantes da nossa realidade, que muitos nao tem acesso.Minha critica é em relacao a participacao de jovens de classe no mundo do narcotrafico!Fabuloso o autor ter abordado esse aspecto,porem poderia ter ido mais a fundo, pois o narcotrafico hoje nao esta presente apenas nas favelas,mas tambem ns classes abastadas.

Comentário de antonio em 22/05/2006 às 13:31hs. (horário de Miami)


gostei muito de cidade dos deuses,pois è assim a vida na favela,gostaria de ver outros filmes mostrando a vida na favela,

Comentário de Wannessa em 03/09/2006 às 17:33hs. (horário de Miami)

A realidade tem que ser vista
O filme Cidade de Deus, demonstra ao público o que pessoas passam, dificuldades que infrentam. Infrentam pelo fato de falta de oportunidades! O Brasil é pobre, também em riqueza, mas muito mais pobre em igualdade. Ao assistirmos o filme "Cidade de Deus", passamos cada vez mais enchergar a realidade que muitas vezes á nós tornam-se ocultas!! Precisamos mostrar a cara dp Brasil, que é essa, e tentar virar o jogo!

Comentário de em 25/10/2006 às 13:21hs. (horário de Miami)

cidade de deus
violencia, crianças no mundo, da sogras

Comentário de Tarcisa Sartorelli em 30/04/2007 às 12:42hs. (horário de Miami)

Cidade de Deus
Seria de extrema importância se nossos filmes brasileiros não focassem apenas um ângulo de nossa sociedade mas sim vários aspectos que formam todo o contexto. Se existe o problema é preciso saber sua origem ,pois nada nasce do acaso. É necessário sim refletir sobre o papel de cada um em nossa sociedade,saber cobrar soluções para resolver os problemas apresentados e jamais se conformar com aquilo que nos incomoda ,agide ou nos torna pequenos.

Comentário de suélem e Jéssica em 27/10/2007 às 15:33hs. (horário de Miami)

cidede de deus
Bom....Eu e minha amiga ñ gostamos do filme.....pois só mostra a parte ruim do nosso país....sim q seja a realidade, mas o nosso país tem muitas coisas belas q tb pode ser mostradas....E resumindo o filme é:drogas e violência!!!!!!

Comentário de irresistivel em 18/11/2007 às 19:52hs. (horário de Miami)

cidade de deus
e um filme bem interessante ...muito entreterimento .....mas eu nao acho que seja um filme assim tao legal , apesar de retratar a realidade tb impulsiona as pessoas , principalmente crianças , a fazerem o que de ruim


Busca rápida:

Assine nosso Boletim!





Anuncie no Planeta!!






Assista a uma aula gratuita em vídeo!




Vídeo em destaque:








Planeta News!

O portal da comunidade brasileira no exterior!

Planeta News

   
© Copyright 1998-2014, Pepe Software Ltda. All rights reserved.
Anuncie | Agenda | Fale conosco | Aviso Legal | Política de Privacidade | Acrescente o Planetanews à sua lista de busca!

Livros no Submarino pelo menor preço | Muitos produtos em promoção no Wal-Mart

Parceiros do Planeta News: