Artigos e notícias:

Saúde com Rachel Barros

Rachel Barros

28/10/2004 01:00

Como comer bem fora de casa

Por Rachel Barros


É praticamente inevitável, comer fora de casa deixou de ser uma prática reservada a ocasiões especiais e se tornou uma necessidade imposta pelos ritmos da vida atual. O que não é de todo mal, pois além de solucionar problemas como a falta de tempo ou a ausência de vocação culinária, a opção de comer fora pode ter suas compensações psicológicas. Sair para jantar fora é sempre uma boa oportunidade de passar bons momentos após um intenso dia de trabalho. E como não vivemos só de trigo, as impressões agradáveis que alimentam o espírito servem de contraponto para as extravagâncias que geralmente se comete nessas ocasiões. No entanto, antes que esse hábito contribua para o aumento de seu peso, do colesterol ou de outros problemas de saúde, é bom ficar atento e aproveitar as dicas a seguir. Afinal, o almoço no restaurante, o sanduíche na cafeteria ou a comida pedida pelo telefone não são desculpas para abandonar os cuidados com a alimentação. Pelo contrário, é fora de casa que os critérios alimentares se mostram mais necessários. Na rua , uma escolha desatenta pode ser uma experiência bastante desastrosa.

A escolha do restaurante é um dos primeiros requisitos. Além de higiênico, o local deve ser tranqüilo, pois uma boa refeição em um lugar barulhento pode ser transformar num prato indigesto. Por outro lado, convém evitar restaurantes desérticos – o movimento de clientes sugere uma rotação adequada dos alimentos e a possibilidade de comidas frescas. Se o restaurante não inspira muita confiança e não houver alternativas, evite pratos que apresentem perigo de provocar intoxicação, como os que contém ovos, maionese e cremes, as carnes mal passadas, os crustáceos (camarão, siri, etc.) e as saladas cruas. Um cuidado especial com as iguarias japoneses que levam peixe cru : além de rigorosamente frescas, só devem ser consumidas acompanhadas de raiz forte, o bactericida natural para os microorganismos que freqüentemente proliferam nessas carnes cruas quando expostas.

A opção mais segura e saudável são os legumes e verduras frescas e tenras, as saladas levemente cozidas (Al dente). Evite legumes e verduras muito cozidos, pois nesse estado já perderam praticamente todo o seu valor nutritivo.
Desconfie dos pratos à base de verduras e legumes, de aparência cremosa, como os suflês, crepes e tortas. Ainda que sugiram comida natural, esses pratos costumam incluir doses extras de manteiga, cremes e gorduras.

Os molhos devem ser servidos à parte, nunca excedendo duas colheres por prato. Um excesso de maionese ou molhos cremosos transforma um prato leve num indigesto concentrado de gordura. Para temperar as saladas prefira azeite de oliva e sal com moderação e limão para substituir o vinagre.

Opte por massas simples (alho e óleo, ao sugo, com verduras, ervas, etc.) e evite as cremosas ou acompanhadas de molho com carne.
Se for comer carne (especialmente a vermelha) opte pelas grelhadas, assadas ou cozidas, e evite, naturalmente, as gordurosas, fritas ou ao molho. Especialmente condenáveis são as carnes preparadas com creme de leite, como o estrogonofe , pois além de indigestas pela inadequada combinação alimentar, criam um meio ideal para a proliferação de microorganismos.

A combinação correta dos alimentos é outro fator importante, em especial para um bom rendimento no trabalho, após o almoço. Se você quer evitar aquela sonolência ou torpor pós-refeição, não combine proteínas de origem animal (carnes, ovos, leite e derivados) com leguminosas (feijões, vagem, ervilha, etc.), ou com amido (arroz, massas, batatas, trigo e derivados, etc.). O melhor acompanhamento para as proteínas são as saladas e os legumes, especialmente aqueles que não contém amido em sua constituição. Se optar por amidos, combine com verduras e feijões, mas exclua totalmente as carnes.

Resista à sobremesa. Doces após a refeição só vão aumentar o volume de calorias ingeridas, além de acidificar o sistema, dificultando a digestão e a assimilação de nutrientes. Se não puder evitar, opte por frutas – de preferência assadas ou cozidas – e deixe os doces para ocasiões especiais. O mesmo vale para o cafezinho. Substitua-o por um chazinho digestivo e , se sentir necessidade do café (ou do doce), consuma-o pelo menos duas horas após a refeição.

Quando se come com freqüência em restaurante há uma tendência a se repetir os mesmos pratos, mas o organismo aprecia a diversidade. É importante variar o cardápio e ampliar as opções de proteínas (carnes, peixes, ovos), de amidos e de legumes e verduras. Nesse sentido, os restaurantes do tipo “self-service” podem ser uma boa opção. Mas evite uma grande variedade de alimentos numa mesma refeição, para não confundir e saturar o sistema digestivo. Em síntese, coma simples mas diversifique no dia-a-dia.





Como orientadora alimentar e precursora do sistema Antidieta no Brasil tem ampla participação em congressos e eventos no País e no Exterior voltados para a reeducação dos hábitos alimentares na aquisição de uma melhor qualidade de vida. Visite seu site www.fatimahborges.com.br.

O conteúdo veiculado nas colunas é de responsabilidade de seus autores.

Assinar feedEnviar por E-mailImprimirVoltar para a seção Saúde

Leia outros Artigos deste autor, clique aqui! Clique aqui e escreva seu comentário!


Comentários do Planeta!

Comentários

Comentário de Mikelane em 03/11/2004 às 14:57hs. (horário de Miami)

curiodidade
Vc é formada em nutrição ou qualquer outra do tipo? Gostaria de saber se chupar laranja após o almoço?

Comentário de Silma Moreira em 21/01/2005 às 20:45hs. (horário de Miami)

Parabêns!
Adorei o artigo \"como comer bem fora de casa\". Estou fazendo um trabalho sobre restaurante.E realmente está correta na relação das pessoas e o restaurante onde cada dia estão mais próximos.

Comentário de Edeilza Laurentino em 10/09/2006 às 19:36hs. (horário de Miami)

livro
Conheci você e o seu trabalho no programa da tve "sem censura" e gostei muito. Qero saber se voc~e vai lançar um livro sobre sucos e ouras receitas funcionais.

Comentário de Edeilza Laurentino em 10/09/2006 às 19:37hs. (horário de Miami)

livro
Conheci você e o seu trabalho no programa da tve "sem censura" e gostei muito. Qero saber se você vai lançar um livro sobre sucos e outras receitas funcionais.

Comentário de Tatiane em 10/09/2006 às 22:45hs. (horário de Miami)

suco para os dias de TPM e de menstruação
Achei muito interessante seu trabalho de orientação alimentar no Programa Sem Censura Especial. Vou começar a tomar o suco amanhã mesmo! Fiquei com dúvida em relação as mudanças no suco nos dias de TPM e de menstruação. E também se posso mudar os ingredientes para não enjoar com a rotina. Parabéns, pelo seu trabalho.

Comentário de Danielle em 18/10/2006 às 10:14hs. (horário de Miami)

Adorei o seu trabalho
Adorei suas ideias sobre alimentacao, vc tem algum livro que fale sobre o assunto? É um assunto muito interessante, e de grande utilidade para todos. Fica aí a minha sugestao, lançe um livro sobre orientaçao alimentar, para as pessoas que nao tem acesso ao seu curso. Um grande beijo, Danielle.
Se for possível gostaria de saber uma receita para manter os níveis de acido fólico e de vit. k altos, estou querendo engravidar e isto precisa estar alto.

Comentário de Rose Dollmans em 07/02/2007 às 02:59hs. (horário de Miami)

Alergias e Alimentação Rápida
Conheci seu trabalho no finalzinho do programa Sem Censura, ontem e adorei. Quero muito reeducar meus hábitos alimentares. Você tem algum livro publicado?
Sou alérgica, segundo alguns dermetologistas, a mudanças climáticas, stress e resquícios da bronquite que tinha quando criança, minha pele é sensível e descama, como se tivesse queimada com ácido.
Tenho uma alimentação irregular a base de trigo(muito sanduíche) e leite, mas gostaria muito de aprender a me alimentar corretamente e descobrir como, através da alimentação, evitar a alergia.


Busca rápida:

Assine nosso Boletim!





Anuncie no Planeta!!











Vídeo em destaque:








Planeta News!

O portal da comunidade brasileira no exterior!

Planeta News

   
© Copyright 1998-2014, Pepe Software Ltda. All rights reserved.
Anuncie | Agenda | Fale conosco | Aviso Legal | Política de Privacidade | Acrescente o Planetanews à sua lista de busca!

Livros no Submarino pelo menor preço | Muitos produtos em promoção no Wal-Mart

Parceiros do Planeta News: